MEDO DE VIVER SEM ESTAR EM DIETA

Ter medo de viver sem estar em dieta parece ser uma realidade.
No entanto, vive em paz com a comida é um sonho para muitas de vocês.

 “Mas Ana, se eu puder comer de tudo, eu não vou parar de comer nunca!” 

Eu entendo perfeitamente o teu receio mas é preciso quebrar este ciclo entre restrição alimentar & consumo excessivo para reconstruires uma relação saudável com os alimentos

Esta quebra de estado ocorre através de um conceito chave, que é a: permissão incondicional para comer, ou seja, fazer as pazes com todos os tipos de alimentos. 

A permissão incondicional para comer nada mais é que te dares permissão para comer todo e qualquer tipo de alimento, salvo exceções onde há patologias associadas.

A permissão incondicional para comer, apesar de gerar muito medo e insegurança nas pessoas que viveram uma vida de restrições e proibições, parte de um princípio de que quando temos acesso livre a todos os alimentos, isto faz com que haja diminuição do desejo por aqueles alimentos antes restritos. 

E é neste ponto do raciocínio que rapidamente te manifestas, dizendo-me que se assim for não vais ter controlo algum sobre o que vais comer e vais passar o dia inteiro a comer chocolates, bolachas, bolos, etc…

Por mais curioso e perigoso que isso possa parecer para ti, acontece exatamente o oposto. 

Quanto mais temos acesso e permissão por algo, mais esse algo se torna “normal” para nós. 

Quando há esta habituação, definida como a adaptação a um objeto em frequente exposição, é a maneira que as autoras da Alimentação Intuitiva apontam como o caminho para deixar de ter a obsessão. 

Assim sendo, passarás a não ter medo dos alimentos, pois todos eles poderão fazer parte da tua vida, se assim o entenderes.

Pois a escolha para os consumires virá de ti e não do alimento. 

E quando encontras o teu equilíbrio, perceberás que o teu corpo não te vai pedir só bolos, chocolates e pizzas. 

Acredita em mim!

Ao nutrires medo por um alimento ou até mesmo por comer, mais tempo do teu dia passarás focada nisso, por isso é que passas, provavelmente, muito tempo a pensar em comida. 

Imagina o quão libertador seria se amanhã pudesses viver o teu dia sem pensar constantemente em comida…

O alimento é só um alimento.
És tu que depositas nele a importância que lhe queres atribuir.
Observa-o como algo normal, possível de ser ingerido sempre que quiseres…

O ato da ingestão do alimento é muito mais do que o alimento em si. O teu estado emocional é um importante factor a estar salvaguardado nas tuas rotinas e escolhas alimentares.

Faz as pazes com os alimentos e o medo de viver sem estar em dieta vai diminuindo e usufrui dos momentos da melhor maneira possível.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *