COMO CONTROLAR A FOME?

Como controlar a fome talvez seja uma dos desejos mais comuns para quem procura uma mudança alimentar.

Porém, a fome é um sinal fisiológico, é inato.
Mesmo que tu não o querias sentir, tu vais senti-lo! Não há nada mais certo do que isso e ainda bem que consegues percecionar a tua fome. 

Para que é que queres controlar a fome?
O que ganhas em controlar a fome? 

Vejamos, a fome é um sinal emitido pelo nosso organismo para nos fazer entender que estamos a precisar de comer. Fá-lo através de vários aspetos, tais como:

  • Barulhos gástricos;
  • Irritabilidade;
  • Perda de concentração;
  • Aumento da salivação;
  • Pensamento em comida;
  • Aumento da atenção olfativa;
  • Visualização da próxima refeição, desejo, etc. 

Se negamos este estímulo natural do organismo, estamos a dizer ao nosso cérebro que não pode sentir fome porque, na verdade, tu acreditas que não podes comer. 

Ora, sendo o nosso cérebro um órgão que não gosta de negação, vai acabar por sabotar-te.

Isto como? 

Vai chegar a um momento que a tua fome é tanta, a tua vontade de comer é tanta que acabas por desistir dessa ideia que “não posso comer agora” e acabas por ceder, comendo muito mais do que imaginarias ser possível. 

Lembra-te que nós precisamos de alimento, precisamos de energia e por mais que tentes controlar o teu cérebro, isso não irá funcionar por muito tempo. 

Em vez de saber como controlar a fome, procura ouvi-la e entendê-la.

Assim, conseguirás perceber efetivamente quando tens de comer e posteriormente quando terás de parar, com a ajuda da sensação de saciedade

Ainda acreditas que precisas de saber como controlar a fome?

Estamos literalmente “famintos” espiritualmente. ⁣

Atualmente, somos incapazes de nos conectarmos com o nosso corpo e conseguir realmente sentir o que está a acontecer dentro dele. Isto significa que estamos infelizes, deprimidas, ansiosas e aprisionadas nas nossas próprias mentes. ⁣

A saída ou o caminho de volta ao controlo mental é a felicidade (ou pelo menos acreditar que seja). ⁣

Estamos habituadas a que frequentemente haja punição por meio de duas das coisas que podemos controlar: pensamento e comida.

Quando, por alguma razão, conseguimos abrir a nossa mente e estar disponível a novas abordagens, novas formas de pensar ou agir, há uma gigantesca evolução. ⁣

Mas para isso, primeiro temos de transformar a nosso relacionamento com a comida, mente e corpo.

Como honrar a fome?

Quanto MAIS DIETAS FAZES mais consequências o teu organismo vai ter, ou seja, a prática da dieta (privação, medo de comer, rejeitar a fome) a longo prazo causa:⁣

☒ Alterações no metabolismo energético;⁣
☒ Alterações na composição corporal;⁣
☒ Aumento da eficiência calórica, responsáveis pelo 𝘞𝘦𝘪𝘨𝘩𝘵-𝘤𝘺𝘤𝘭𝘪𝘯𝘨 (efeito ioiô);⁣
☒ Disturbios neuroendócrinos;⁣
☒ Alterações fisiológicas intestinais;⁣
☒ Desencadeamento de episódios de descontrolo alimentar.⁣


O nosso organismo tem a chamada MEMÓRIA ORGÂNICA e ao parares de fazer dieta, esta vai fazer de tudo para recuperar o teu estado ANTERIOR. Essa recuperação vem através do acumulo de GORDURA. Basicamente, o teu corpo vai absorver tudo e mais alguma coisa que comeres após um período de RESTRIÇÃO. ⁣

Estas oscilações de peso fazem com que:⁣

☑ Dificulte o controlo do apetite;⁣
☑ Diminuição o gasto energético;⁣
☑ Aumento da concentração de poluentes nos tecidos e no plasma; ⁣
☑ Perturbação hormonal; ⁣
☑ Complicações metabólicas.⁣

O 𝘞𝘦𝘪𝘨𝘩𝘵-𝘤𝘺𝘤𝘭𝘪𝘯𝘨 contribui ainda para o AUMENTO do riscos de doenças cardiovasculares.

Resumindo, não há vantagens em quereres controlar a fome, algo que faz parte do teu ser.

Além disto, a FOME será a tua maior aliada para a regulação do teu organismo.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *